Charqueada receberá recursos para Defesa Civil

Neste mês de setembro, a Coordenadoria Estadual de Proteção e Defesa Civil assinou convênios com mais de 150 municípios paulistas, no valor total de R$ 30 milhões, para investimento no Sistema de Proteção e Defesa Civil. Entre as cidades beneficiadas está Charqueada, que receberá importantes investimentos.  

A Prefeitura de Charqueada garantiu a chegada de um veículo zero quilômetro e um kit para ser usado pela Defesa Civil do município. Os equipamentos irão auxiliar no combate a incêndios na região, serviços de vistoria e de apoio às ações de socorro e assistência.

Além do veículo, serão recebidos três motosserras, um gerador, uma tenda, três tripés, seis holofotes, três capacetes, dois megafones e cinco lanternas, totalizando R$ 111,354 mil.

No início do mês, o prefeito Rodrigo Arruda (DEM), o vice-prefeito Jonas Lanjoni Del Pino Júnior, o técnico de Segurança Joaquim Felipette e o coordenador da Defesa Civil e comandante da Guarda Municipal Valdir Cândido da Silva estiveram no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo, para fazer o pedido.

Desse montante a ser investido pelo Governo do Estado, R$ 18,6 milhões são provenientes de verba do tesouro estadual, concedidas por iniciativa do próprio Governador, João Dória, e outros R$10,5 milhões foram arrecadados por meio de indicação de emendas voluntárias.

Esses recursos serão utilizados para compra de viaturas, equipamentos e materiais destinados às Defesas Civis Municipais. Esta é uma ação pioneira no Brasil, que foi iniciada ano passado conforme o Decreto nº 64.849, de 6 de março de 2020, e ficou conhecida como Ação de Aparelhamento Municipal. No primeiro ano do projeto, contou com aporte de aproximadamente R$ 5 milhões e beneficiou 33 municípios.

“O Governo de São Paulo, por meio da Coordenadoria de Proteção e Defesa Civil e apoio de parlamentares, equipará as Defesas Civis Municipais e garantirá melhor atendimento à população em todas as fases típicas de Defesa Civil, que são a prevenção, preparação, mitigação, resposta e recuperação”, afirmou o Coronel PM Romanek, Secretário-Chefe da Casa Militar e Coordenador Estadual de Proteção e Defesa Civil.

Os recursos são direcionados à Casa Militar (Defesa Civil), o que garante uniformidade nas compras e economia de escala; e os equipamentos, previamente escolhidos, são entregues aos municípios, mediante formalização de convênio.

Considerando o sucesso da ação, em 2021 houve um aumento exponencial de investimento, de forma que, em dois anos, mais de 200 municípios paulistas terão sido aparelhados e modernizados, incluindo todos aqueles inseridos no Plano Preventivo de Defesa Civil, que são aqueles, historicamente, mais vulneráveis aos desastres naturais.

“Tínhamos a meta de estruturar melhor a Defesa Civil de Charqueada e isso é hoje uma realidade. O governo tem sido parceiro e faz uma ação nunca vista antes na história. A meta é trazer investimentos e dar melhores condições de trabalho para esses profissionais”, disse o prefeito Rodrigo Arruda.

Toda a documentação da Defesa Civil no município foi regularizada pelo ex-coordenador Joaquim Felipette.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta