agosto 9, 2022

Maconha medicinal: Uso para fins médicos dispara no inicio do ano para combater o esgotamento profissional e auxiliar a retomada de 2022

Foto: Divulgação

Medicamento liberado pela Anvisa requer prescrição médica de profissional legalmente habilitado para importação. O cirurgião plástico das celebridades, Thiago Marra, deu inicio ao tratamento para combater a insônia e ansiedade.

Desde o ano passado a Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) liberou a comercialização e registro de fármaco à base de Canabidiol. De acordo com o órgão, o Canabidiol poderá ser prescrito quando outras opções terapêuticas disponíveis no mercado brasileiro, estiverem esgotadas.

Em abril deste ano, a Anvisa autorizou a importação de dois novos produtos na forma de soluções de uso oral, que devem ser prescritos por meio de receituário Tipo B. Eles são fabricados nos Estados Unidos e também podem ser importados já prontos para o uso.

O Canabidiol e o tetra-hidrocanabinol são alguns dos derivados da maconha. O cultivo da planta em território brasileiro não é permitido. Os produtos já aprovados para uso medicinal à base de Cannabis no Brasil exigem receita médica de controle especial. O tipo de receita varia de acordo com a concentração solicitada pelo médico.

O médico-cirurgião Thiago Marra há cerca de dois anos chegou a um quadro de exaustão profissional e pessoal, apresentando insônia e ansiedade. Procurou ajuda de um psiquiatra, e deu início ao tratamento médico com o uso do Óleo de Canabidiol há duas semanas.

Segundo Marra, o assunto ainda é pouco conhecido. “Os estudos mostram vários benefícios, como no tratamento da ansiedade, no estímulo de novas conexões nervosas, efeitos anti-inflamatórios e antioxidantes”, conta. “Existem também dados que revelam melhoras de problemas intestinais, tratamento de dores, controle de apetites e até redução de efeitos colaterais de quimioterapias”, explica.

A Anvisa informa, que a indicação e a forma de uso dos produtos à base de Cannabis são de responsabilidade do profissional médico, sendo que os pacientes devem ser informados sobre o uso dos produtos em questão.

Paciente do medicamento e profissional de saúde, doutor Marra sempre está à procura de especializações e atualizações na área médica, e chegou a participar de congressos e palestras sobre Canabidiol. “É uma forma que eu posso compartilhar um pouco sobre minha experiência no meu tratamento de insônia e ansiedade”, relata.

Cirurgião Plástico Dr. Thiago Marra:

Membro da ABRAMEPO (Associação Brasileira de Médicos Pós-graduados), e titular do Colégio Brasileiro de Cirurgia Plástica. O doutor Thiago Marra é especialista em rinoplastia e faz diversos procedimentos cirúrgicos como: prótese de mama, mastopexia, lipoaspiração, harmonização facial e cirurgia de redesignação sexual.

Fora do centro cirúrgico, fundou a ABRAPROS, que visa que visa combater a reserva de mercado e criar um projeto de lei para regulamentar a atuação de todos os profissionais de saúde que executam procedimentos estéticos. A ação pretende favorecer biomédicos, enfermeiros, farmacêuticos, dentistas e fisioterapeutas que atuam com procedimentos estéticos

Read Previous

Apeoesp diz que professores prejudicados em valores do abono Fundeb devem procurar as Diretorias de Ensino

Read Next

Extrafarma reforça estoque de medicamentos antigripais

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.