Caged aponta saldo positivo na geração de empregos formais em Piracicaba

O primeiro trimestre de 2022 fechou de forma positiva no quesito geração de empregos em Piracicaba. O mês de março registrou saldo positivo de 686 postos de trabalho, de acordo com o Caged – Cadastro Geral de Empregados e Desempregados, nesse peiriodo foram registradas 5.627 admissões contra 4.941 demissões. Os dados foram divulgados ontem, quinta-feira, 28/04.

O setor da Indústria foi o que mais contratou em março, sendo responsável pelo saldo positivo de 190 vagas. O segmento de Serviços registrou saldo positivo de 146 vagas. Já o Comércio, 108 novas vagas.

O secretário de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo (Semdettur), José Luiz Guidotti Júnior, evidencia que, com o resultado de março, o primeiro trimestre de 2022 registrou saldo positivo de 2.346 postos de trabalho.

“Continuamos a trabalhar para a geração de emprego e renda em Piracicaba. Ontem, por exemplo, tivemos o feliz anúncio de investimento de R$ 300 milhões da Raízen em nova planta de produção de biometano no município, com incentivo da Prefeitura, que deverá gerar 200 novas vagas de emprego diretos”, afirma Guidotti Júnior.

Faixa etária e grau de instrução: A faixa etária mais beneficiada com as contratações de março foi de pessoas com idade entre 18 e 24 anos, com 311 contratações, seguida de 25 e 29 anos, com 136 contratações e de 30 e 39 anos, com 132 postos de trabalho.

Quando comparados por grau de instrução, os trabalhadores com ensino médio completo foram os mais beneficiados, com 343 contratações, seguidos dos com ensino superior completo, com 164 contratações, e dos com ensino fundamental completo, com 74 contratações.

Read Previous

Prefeitura abriu inscrições para concurso público na área de Educação

Read Next

Alex de Madureira participa de homenagem em comemoração aos 119 anos da Guerra Civil de Piracicaba

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.