Policiais do BAEP 10 apreendem duas pessoas por Tráfico de Drogas em Rio das Pedras

Policiais do BAEP 10 apreendem duas pessoas por Tráfico de Drogas em Rio das Pedras

A equipe do BAEP 10 relatou que durante patrulhamento de Ações Especiais de Polícia pela cidade de Rio das Pedras, uma transeunte que não quis se identificar, informou que duas ruas após a residência dela, num bar vermelho, uma mulher, loira, baixa e porte forte estaria praticando o tráfico de drogas a um certo tempo e a pouco instantes ela tinha visto essa mulher entregando drogas para um rapaz. Com essas informações os policiais foram até a Rua José Joaquim da Silva, 26, localizada no Bairro Massud Coury, e ao chegarem no bar, solicitaram ao morador do local, por um portão lateral, sendo atendidos por D. C. C., 45 anos, identificada posterior, e com a mesma características repassadas. Que ao notar que era a polícia soltou no solo três papelotes contendo pó branco, aparentando ser cocaína, sendo de imediato abordada e questionada se estaria na traficância e se haveria mais drogas em sua residência, confirmou que estava sim, que tinha mais drogas escondida no sutiã e no armário da cozinha, bem como uma certa quantia em dinheiro. Autorizou a entrada na residência, momento que na sala foi avistado e abordado M. J. C. C., 18 anos, e no bolso de trás da bermuda foi localizado 10 porções de maconha e R$ 18,00 (dezoito reais) em notas diversas. Ambos acompanharam a revista domiciliar, onde no armário da cozinha foi localizado 17 porções pronto para venda, uma porção maior em sacolé e uma outra porção em um saco transparente, todas aparentando ser cocaína e a quantia de R$ 920,00 (novecentos e vinte reais) em diversas notas. No quarto de M., numa cômoda, dentro de uma bolsa, um tijolo de maconha e 125 porções prontas para a venda, idênticas a localizada no bolso dele e  R$ 282,00 (duzentos e oitenta reais), também em notas diversas, dentro de uma carteira com os documentos dele. Ainda D. tirou de dentro do Sutiã 07 porções aparentando ser cocaína, idênticas a que soltou ao chão e as localizadas no armário. Indagado a respeito das drogas e dinheiro, M. informou que o dinheiro é proveniente do tráfico de drogas, e que o pó branco no sacolé é para misturar com o pó que tem no saco transparente, para aumentar a quantidade de cocaína, a peneira para tirar os granulados e que as maconhas fracionadas eram para vendas. Não teceu comentários quanto ao tijolo de maconha e a balança. Já D. informou que estava com as drogas para ajudar M.

Diante dos fatos foi dado voz de prisão pelo ART 33 e 35 da lei 11343/06, lido seus direitos constitucionais e conduzido ao Plantão Policial de Piracicaba, tendo a Autoridade Judiciária tomado ciência elaborou BOPC de tráfico de drogas e associação para o tráfico de drogas, permanecendo M. e D. a disposição da Justiça.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta