Foram imunizados contra a covid-19 todos os funcionários da Santa Casa de Piracicaba

Foram imunizados contra a covid-19 todos os funcionários da Santa Casa de Piracicaba

Cerca de 1.500 funcionários da Santa Casa de Piracicaba foram vacinados contra a Covid-19 nesta segunda etapa da campanha, que começou na terça-feira, 27, e prossegue até a hoje, dia 30, completando o processo de imunização da comunidade hospitalar com doses da vacina da Oxford/Fiocruz.

A enfermeira do trabalho, Maria Lúcia Frederici, explica que outros 510 funcionários já receberam as duas doses da coronaVac, do Instituto Butatan, de forma a atingir a meta do Hospital de imunizar todos os 2065 funcionários da Instituição.

“O processo de imunização teve início em janeiro, prosseguiu em fevereiro, foi retomado em março e será concluído em abril, finalizando os dois ciclos de imunização, respeitando-se o intervalo entre as primeiras e as segundas doses das duas vacinas utilizadas pelo Hospital”, explicou.

Lúcia revela que as vacinas são provenientes do governo do Estado via Vigilância Epidemiológica, que faz a distribuição das doses entre os 26 municípios que compõem a Divisão Regional de Saúde.

Segundo a enfermeira Érika Alves, do Nadep- Núcleo de Aprimoramento e Desenvolvimento de Pessoas, dez funcionários participam do processo de imunização, entre seguranças, anotadores e aplicadores, lançando as informações em tempo real no sistema informatizado. “O processo de imunização, entretanto, começou bem antes, envolvendo diversos setores para definição e organização da logística necessária”, informou.

A administradora Vanda Petean, que acompanhou todo o processo, exaltou o compromisso, responsabilidade e empenho da Santa Casa em vacinar 100% de seus funcionários, imunizando inicialmente médicos, enfermeiros e profissionais da linha de frente que mantém contato direto com o paciente.

“Neste momento de pandemia, ter acesso à vacina é sinônimo de segurança para o funcionário e sua família, para seus colegas de trabalho e sobretudo para os pacientes”, considerou.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta