Deputado Alex de Madureira assume coordenação da Comissão de Projetos Parlamentares da ALESP

Atribuições vão desde diálogo entre as bancadas e a organização dos projetos para votação

O deputado Alex de Madureira (PSD) foi nomeado coordenador da Comissão de Projetos Parlamentares da Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo. A designação foi feita pelo presidente do Parlamento, deputado Carlão Pignatari, com o aval de todos os parlamentares.

A função foi criada em 2019 para facilitar o diálogo entre a Presidência e os deputados e deputadas, com o objetivo de organizar e articular um grande volume de projetos para que possam entrar em pauta e serem votados.

Foi graças ao trabalho da comissão que foi aprovado, no ano passado, o Projeto de Lei 350/2020, que reuniu propostas de 65 dos 94 parlamentares da Casa para ações emergenciais de combate ao coronavírus. O projeto virou a lei 17.268/2020, atualmente em vigor no Estado.

Alex de Madureira vai agora organizar e fazer a articulação política dos projetos de autoria parlamentar. Cabe ao deputado organizar as propostas, e dialogar com as bancadas da Casa para entender os apoios às medidas e construir um diálogo para aprimorar iniciativas, quando necessário.

“O diálogo parlamentar é essencial, ninguém é dono da verdade absoluta, e é bom que tenhamos opiniões divergentes”. Alex ressaltou ainda a necessidade de buscar vias para conseguir realizar projetos que atendam toda população, e agradeceu a confiança para exercer a função.

Até então, a coordenação dos projetos parlamentares era exercida pelo deputado Vinicius Camarinha (PSB), um dos idealizadores da medida. Camarinha deixou a função para assumir o cargo de líder do governo na Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo na semana passada.

Camarinha destacou o êxito na criação da função. Segundo ele, antes da Coordenadoria de Projetos dos Deputados, “a Assembleia nunca havia votado tantos projetos”.

O parlamentar também exaltou a escolha do presidente Carlão Pignatari ao designar o deputado Alex de Madureira para a função. “[Alex] tem uma história de relação com as pessoas e características que o enquadram como um parlamentar que sabe ouvir”, disse Vinicius Camarinha, que considera estar aberto ao diálogo uma característica essencial para a função.

O cargo não possui remuneração excedente ao salário de parlamentar, e por ser criação dos deputados, não há nomeação no Diário Oficial.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta