BAEP 10 teve membro da equipe formado como Atirador Designado

BAEP 10 teve membro da equipe formado como Atirador Designado

O 10º Batalhão de ações especiais de polícia (10º BAEP) de Piracicaba teve recentemente, a formação do primeiro operador da Região Metropolitana de Piracicaba no curso de Atirador Designado promovido pelo 1º Batalhão de Polícia de Choque (BPChq), a ROTA (Rondas Ostensivas Tobias Aguiar), situada na cidade de São Paulo.

O curso iniciou no dia 06 de dezembro e teve seu encerramento no dia 20, segunda-feira e conta com uma grade curricular que versava sobre o que há mais moderno sobre Tiro Policial realizado à médias e longas distâncias, seu escopo acrescenta a formação do operador que agora passará a multiplicar seus conhecimentos na circunscrição do Comando de Policiamento do Interior – Nove (CPI-9) na região de Piracicaba/SP.

Tal medida trata-se de uma inovação da Polícia Militar do Estado de São Paulo (PMESP) e está na sua segunda edição, seus conhecimentos tem por objetivo fazer frente as novas ameças ligadas a organizações criminosas que atuam em ações ultraviolentas, o tipo de crime popularmente conhecido como “novo caganço”.

O Comando do 10º BAEP, Tenente Coronel PM Edgard Marcos Gaspar tem como prioridade a capacitação de seus operadores, e mesmo com as dificuldades enfrentadas em 2021 por conta da pandemia, já enviou policiais para São Paulo, a fim de realizarem cursos nas áreas de Tiro Defensivo na Preservação da Vida, Policiamento em Eventos (2º Batalhão de Choque), Conduta de Patrulha em Local de Alto Risco (BOPE-PMESP), Procedimentos de Defesa Pessoal e tecnologias de menor potencial ofensivo (Escola de Educação Física da PM), Patrulhamento Tático e Ações Especiais de Polícia também no 1º BPChq (ROTA) além de diversos Workshops demonstrando compromisso do batalhão com o aperfeiçoamento e especialização para bem melhor servir a população.

O Curso de Atirador Designado é uma especialização para o policial militar que atua nos Batalhões de Ações Especiais de Polícia (BAEP) e demais unidades especializadas da PMESP que conta com o que há de mais moderno sobre tiro policial, com matérias sobre noções avançadas de tiro de precisão, balística forense, conduta de patrulha em local de alto risco, doutrina de ROTA, Procedimento Operacional Padrão, MACTAC, ocorrências envolvendo instituições financeiras, todas voltadas para ocorrências de gravidade que visam preparar o policial militar para qualquer tipo de ameaça que ele possa encontrar durante o serviço. Para o 10º BAEP é uma prioridade contar com o maior número possível de operadores formados nos mais diversos cursos operacionais da instituição, em especial o Curso de Atirador Designado, que representa o que há de mais moderno na instituição, tudo para prestar um serviço de maior qualidade para a população, especializando cada vez mais o operacional para fazer frente a uma criminalidade cada vez mais violenta, além de preparar o operador para melhor atuar nas ocorrências envolvendo criminalidade ultraviolenta, ou também chamadas de “Novo Cangaço”.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta