Deputada Bebel reforça luta contra privatização do IAMSPE e defende acesso à saúde para todos os servidores

Deputada Bebel reforça luta contra privatização do IAMSPE e defende acesso à saúde para todos os servidores

Parlamentar anunciou que coleta assinaturas para abertura de uma CPI na Alesp

Em ato público em defesa do Iamspe (Instituto de Assistência Médica ao Servidor Público Estadual), nesta manhã de quinta-feira, 25 de novembro, em São Paulo, a deputada estadual Professora Bebel (PT) reforçou que continuará lutando contra a privatização do Instituto, inclusive coletará assinaturas visando a criação de uma CPI na Assembleia Legislativa de São Paulo (Alesp) para investigar a sua gestão, que infelizmente não tem ampliado o atendimento ao funcionalismo público nas demais regiões do Estado. No ato, realizado em frente ao prédio do IAMSPE, localizado na avenida Ibirapuera,981, Bebel que também é presidenta da Apeoesp (Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo), defendeu a descentralização do IAMSPE, para garantir o mesmo atendimento oferecido na capital paulista nas diversas regiões do Estado de São Paulo.

Na manifestação, que reuniu centenas de servidores públicos e representantes de entidades em defesa do nosso Instituto, Bebel que é ainda líder da bancada do PT na ALESP e coordenadora da Frente Parlamentar em Defesa do IAMSPE, reforçou que seu mandato popular defende e trabalha para garantir atendimento de qualidade para todos os servidores públicos, gestão democrática, conselho administrativo paritário, fim das terceirizações e privatizações, convênios em todo o Estado, direito der atendimento aos servidores temporários. “Dizemos não ao PL 770/2021, que tenta criar uma fundação para privatizar de vez o IAMSPE”, reforçou.

Para a parlamentar, os servidores não podem assistir passivamente à destruição “do nosso IAMSPE, com a ampliação de terceirizações e privatizações, fechamento de serviços, interrupção de atendimento no interior do estado e

outras medidas de desmonte. É preciso uma grande pressão para evitar a terceirização e o desmonte da saúde aos servidores públicos estaduais”, enfatizou.

Como forma de fortalecer, ainda, o movimento em defesa do IAMSPE, a presidenta da Apeoesp vem coletando assinaturas para o abaixo-assinado em defesa do Instituto. Para assinar, basta acessar o site: https://cadastro.professorabebel.com.br/abaixo-assinado-iamspe?fbclid=IwAR3hxeHKG7p85Dk9g4gjY96JGWhA5ug8z0oDmLHj_H8fEeQOiuWgCIpYC6o

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta