agosto 19, 2022

Zagueiro do Novorizontino aposta em bom retrospecto defensivo para duelo com o Bahia

Zagueiro do Novorizontino aposta em bom retrospecto defensivo para duelo com o Bahia – Foto: Gustavo Ribeiro/Novorizontino

Após uma sequência de dois jogos em casa, o Novorizontino vai até Salvador visitar o Bahia. As duas equipes se enfrentam neste sábado (25), às 16h00, pela 14ª rodada da Série B.

Uma das apostas do time paulista para o duelo, o zagueiro Walber retorna à Arena Fonte Nova depois de quatro anos. Sua única partida no estádio contra o Tricolor foi em 2018: um empate sem gols pelas quartas de final da Copa do Nordeste, quando defendia o Botafogo-PB.

Como havia sido derrotado na ida por 2 a 1, o Belo acabou eliminado da competição regional. Apesar disso, Walber vê aquela experiência como um trunfo para o jogo deste final de semana, e espera manter o bom retrospecto defensivo na casa do Bahia.

“Enfrentar o Bahia na Fonte Nova é sempre difícil, pude viver isso em 2018. Apesar da eliminação, fizemos um grande jogo pela Copa do Nordeste. Diminuímos bem os espaços e eles não conseguiram marcar. Espero que seja assim novamente no sábado. Tenho certeza que vou presenciar outra atuação de muita entrega da minha equipe”, disse o zagueiro, de 25 anos.

Walber também fala sobre a sequência do Novorizontino na Série B. A equipe vai enfrentar dois times do G4 nas próximas rodadas. Depois do Bahia, atual terceiro colocado, o Tigre do Vale recebe o Vasco, vice-líder.

“Vamos ter uma sequência complicada pela frente, contra dois times que iniciaram a Série B muito bem. No momento, nosso foco está na partida com o Bahia, em executar bem o que foi passado pela comissão para fazer um grande jogo”, finalizou o defensor, que também acumula passagens por clubes como Sport, Athletico Paranaense, Figueirense, Guarani, Cuiabá e Vasco.

Read Previous

A convite do reitor o Deputado Alex de Madureira visitou a Universidade Metodista de Piracicaba

Read Next

Prefeitura oficializa apoio e CJ do Brasil confirma o patrocínio máster da 4ª Corrida pela Vida da Santa Casa de Piracicaba