Com ótimo retrospecto diante do Corinthians, João Paulo do Atlético Goianiense e comemora números pelo Dragão

Com ótimo retrospecto diante do Corinthians, João Paulo do Atlético Goianiense e comemora números pelo Dragão


A cada partida, o meia João Paulo vai cravando mais o seu nome na história do Atlético Goianiense. Em seu último compromisso pelo Dragão, o camisa 10 deu a assistência para Zé Roberto marcar o gol da vitória por 1×0 contra o Corinthians, em São Paulo. O duelo foi válido pela primeira rodada da Série A 2021.

Com a assistência para Zé Roberto, João Paulo chegou a 20 participações em gols do Atlético Goianiense somando as duas passagens pelo rubro-negro goiano. São 11 gols e nove assistências em 47 partidas. “É uma ótima média para um meia e fico feliz por ter excelentes números ofensivos com a camisa do Alético Goianiense. Isso é fruto de um trabalho forte e de muita dedicação. Importante valorizar que nada disso consegui sozinho. Por isso, preciso agradecer os meus companheiros de time e também os membros da comissão técnica que tive neste período como jogador do Dragão”, destacou João Paulo.

Outro fator que chama atenção de João Paulo com a camisa do Atlético Goianiense é o ótimo aproveitamento que ele tem pelo rubro-negro. Para se ter uma ideia, na atual temporada, ele teve apenas uma derrota em 14 jogos disputados. “Saímos invictos da Sul-Americana e batemos na trave pelo título estadual, que era o nosso objetivo. Mas, apesar disso, a avalição é positiva pelo que a gente vem jogando, criando em oportunidades de gol dentro de uma maratona desgastante de jogos. Mantendo foco e as últimas atuações creio que teremos um restante de ano de muito sucesso”, opinou o meia.

Em 2021, João Paulo está participando pela terceira vez consecutiva da Série A. Em 2019, ele atou pelo Avaí e no último ano defendeu as cores do Fortaleza. “Sempre almejei jogar grandes competições e estar na disputa da minha terceira Série A seguida é motivo de muita alegria. Estou feliz pelo feito, mas consciente que preciso manter um bom nível de atuação para permanecer na disputa da elite do Brasileirão nos próximos anos”, argumentou o camisa 10.

Fotos: Bruno Corsario/Atlético Goianiense e Rodrigo Ccca/Corinthians

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta