Dupla Claudemir & Moises levou sertanejo raiz ao Varejão da Raposo Tavares

A dupla executou os clássicos do sertanejo raiz/ Divulgação

Ação integra o projeto Música nos Varejões, iniciativa da Prefeitura; próximo show acontece no Dia dos Namorados, 12/06, na feira livre do Matão

A dupla sertaneja Claudemir & Moises se apresentou ontem, domingo, 08/05, no Varejão da Raposo Tavares, no projeto Música nos Varejões, como forma de homenagear os munícipes pelo Dia das Mães. O Música nos Varejões é uma iniciativa da Prefeitura, por meio das secretarias da Ação Cultural (Semac) e de Agricultura e Abastecimento (Sema), e prevê uma série de apresentações musicais, dos mais variados estilos, em varejões e feiras livres municipais até o final do ano.Os próximos shows estão programados para a feira livre do Matão (12/06 – Dia dos Namorados),

Varejão da Paulista (30/07 – em comemoração ao aniversário de Piracicaba, que é no dia 1º/08),

Varejão do Piracicamirim (13/08 – Dia dos Pais), Varejão da Paulista (12/10 – Dia das Crianças) e

Varejão Central (17/12 – Apresentação de Natal).

Durante a apresentação não faltaram os clássicos raiz como Saudades da Minha Terra, Evidências, Boite Azul, Rio de Lágrimas, A Carta e Canarinho Prisioneiro. Em homenagem às mães, a dupla cantou também Ninja Guerreira, que ficou conhecida na voz dos cantores João Mineiro e Marciano. “A nossa banda ficou encantada com o ambiente no Varejão porque as pessoas estavam trabalhando, cantando e dançando com a gente. Foi inesquecível”, disse Claudemir.Rubens e Rosangela Ramos, respectivamente tio e sobrinha, estavam felizes em poder desfrutar de um show de sertanejo raiz no domingo pela manhã. Rosangela, que possui 2 filhos e 2 netos, agradeceu pela homenagem e disse que a banda era afinada e possui um repertório muito bom.Quem também aprovou a novidade foi Maria de Lourdes, que atua na barraca Guedes, no Varejão da Raposo Tavares desde 2018. Ela disse que trabalhar com música ao vivo tornou o ambiente mais leve e alegre. “Adorei. Foi a primeira vez que vi uma banda tocando aqui para a gente”, comentou.Almir dos Santos, natural do Piauí, de passagem pela cidade, revelou que foi uma surpresa poder participar de um show especial num prédio público. “De onde eu venho isso é muito difícil de acontecer”, frisou.

Read Previous

Campos do Jordão ganha nova escola cervejeira dentro do Parque da Cerveja

Read Next

Por indicação do Deputado Dalben, dupla Durval e Davi é homenageada com Prêmio Inezita Barroso

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado.