Campanha de Natal pretende arrecadar cestas de alimentos para 5 mil famílias

Campanha de Natal pretende arrecadar cestas de alimentos para 5 mil famílias

A Diocese de Piracicaba e o projeto Exército de Formiguinhas, com apoio do Simespi (Sindicato das Indústrias Metalúrgicas, Mecânicas, de Material Elétrico, Eletrônico, Siderúrgicas e Fundições de Piracicaba, Saltinho e Rio das Pedras), lançaram na manhã desta terça-feira (16) a campanha solidária “Feliz Natal com comida no prato!”. A iniciativa pretende arrecadar 5 mil cestas de Natal para famílias de Piracicaba e região, além de pessoas atendidas pela Pastoral Diocesana da Criança.

As doações poderão ser feitas de forma simples, sem sair de casa. Basta fazer um PIX ou transferência bancária de R$ 95 para a empresa São Paulo Cestas, que também é parceira da iniciativa, e depois enviar o comprovante por WhatsApp. Com esse valor, o doador garantirá a uma família carente os seguintes produtos neste Natal: uma cesta básica e mais uma “mistura”, um brinquedo, um saquinho de guloseimas e um panetone (veja abaixo como doar).

O Exército de Formiguinhas ficará responsável pela distribuição das cestas nas comunidades carentes e para as famílias da Pastoral da Criança. A São Paulo Cestas fornecerá o caminhão para ajudar nas entregas, que devem ocorrer entre os dias 15 e 23 de dezembro. O Simespi ajudará na captação de doações junto às empresas associadas. A Diocese promoverá a ação em todas as paróquias de Piracicaba, Saltinho, Rio das Pedras, Capivari e São Pedro.

Com a arrecadação das cinco mil cestas de Natal, o objetivo é permitir um fim de ano mais feliz e com alimento no prato para cerca de 25 mil pessoas. Empresas dos municípios alcançados com a ação solidária já informaram que irão aderir à campanha, assim como outras entidades de classe. Desde março de 2020, o Exército de Formiguinhas, em parceria com a Diocese e também outras entidades, já distribuiu mais 17,7 mil cestas básicas, 33 mil litros de leite, entre outros produtos (mais números ao final do texto).

No lançamento da campanha, o Bispo Diocesano de Piracicaba, Dom Devair Araújo da Fonseca, foi representado pelos padres Marcelo Sales (Ecônomo e Moderador da Cúria) e Kleber Fernandes Danelon (Coordenador Diocesano de Pastoral). Participaram ainda a coordenadora do Exército de Formiguinhas, Débora Ferraz, a gerente do Simespi, Valéria Spers, e Adriana Santana, da São Paulo Cestas.

Débora Ferraz agradeceu pelo apoio das empresas, entidades e das paróquias da Diocese, que irão ajudar na busca pelas doações. “Cinco mil cestas em menos de trinta dias é uma meta ousada, eu sei. Mas em todas as nossas ações temos conseguido superar nossos objetivos graças a todos que nos ajudam. Porque a fome machuca, a fome dói e mata, mas vamos realizar mais este sonho de colocar comida no prato de muitas crianças neste Natal, se Deus quiser”, disse.

O padre Marcelo Sales destacou que todas as doações serão revertidas diretamente em cestas para as famílias carentes. “A Diocese apoia e participa desta ação através, principalmente, de suas pastorais sociais. É uma iniciativa muito bonita, muito nobre. O valor arrecadado entra diretamente na conta da São Paulo Cestas, não passa pela Diocese, e vai para as mesas das famílias”, disse. Ele destacou que, após comprar a cesta, o doador deve enviar o comprovante pelo WhatsApp (19) 9 9600-4362, informando a quantidade doada.

O Coordenador Diocesano de Pastoral, padre Kleber, chamou a atenção para a inspiração principal da campanha e motivo de toda mobilização. “O Espírito do Natal é o que nos leva a esse movimento de solidariedade. Porque Nosso Senhor Jesus Cristo nasceu pobre em Belém e hoje muitos vivem a pobreza em nossas comunidades. Jesus é o grande presente que Deus Pai deu a todos nós e é nosso papel dá-Lo também de presente ao maior número de pessoas possível por meio deste gesto de solidariedade”, afirmou.

Ele destacou, além do papel o Exército de Formiguinhas, todo trabalho desenvolvido pela Pastoral da Criança, representada no evento pelo padre Luís Carlos de Siqueira Martins e pela coordenadora Marina Rodrigues dos Santos Nascimento de Carvalho.

“De fato, nós que visitamos e acompanhamos muitas famílias, sabemos quantas crianças vão dormir com fome. Ouvimos mães que nos pedem, às vezes, até um pão duro para poder dar de comer aos filhos. Como será bom, neste Natal, fazer uma ceia em nossas casas sabendo que algumas dessas crianças poderão ter algo para comer também. Muito obrigado!”, declarou Marina.

Por fim, a gerente do Simespi, Valéria Spers, afirmou que a entidade fará sua parte não só doando cestas, mas principalmente mobilizando o maior número possível de empresas associadas para que participem da campanha de Natal. “Nós criamos no Simespi essa cultura de doar, principalmente depois do início da pandemia. Vamos promover essa bela campanha entre nossos associados para que mais e mais pessoas possam ser ajudadas. Parabéns a todos os envolvidos pela iniciativa”, afirmou.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta