Secretaria de Saúde faz campanha contra diabetes e hipertensão na UBS do Massud Coury

Os pacientes atendidos pela UBS Prefeito Victório Olívio Cezarino serão beneficiados pela campanha de combate a diabetes e hipertensão, realizada em parceria pela Argos Brasil e Secretaria da Saúde. Tendo em vista que os pacientes com comorbidades são os mais afetados pela pandemia do novo coronavírus, foram montadas duas equipes que irão nas residências dos pacientes coletar sangue para exames e dados para o acompanhamento por médicos endocrinologista e cardiologista.

“Realizamos um levantamento entre os pacientes que faleceram em Rio das Pedras pelo Covid-19 e constatamos que 92% tinham diabetes ou hipertensão, ou ainda as duas doenças associadas. Por ser grupo de risco, realizaremos o atendimento domiciliar, evitando que se locomovam até a unidade de saúde”, explicou Estela Rossi, gestora em saúde da Argos Brasil.

O levantamento identificou também que os pacientes deixaram de comparecer aos agendamentos médicos por medo de contrair o coronavírus. “Isso coloca em risco a vida dos pacientes, em especial dos mais velhos. Os pacientes da região da UBS do bairro Luiz Massud Coury terão o atendimento inicial em suas casas, com a coleta de sangue para exames para análise de resultado e adequação das medicações em uso. Pequenos cuidados como esses fazer toda diferença”, completou a enfermeira Valdirene Garcia.

Existe ainda a possibilidade de o médico especialista ir à residência do paciente como ele não possa se locomover. O atendimento será programado de acordo com o pré cadastro dos pacientes junto a UBS. O paciente que não estiver cadastrado, deve entrar em contato a unidade de saúde. A campanha propõe também a aumentar a imunidade dos pacientes, buscando reduzir as reações provocadas pelo Covid.

Para realizar a campanha, foram formadas duas equipes que estarão equipadas com veículos para facilitar a locomoção e identificação dos agentes de saúde. Em uma segunda etapa serão feitas avaliações nutricionais, onde serão verificados índices de gordura e massa magra para que seja receitada uma dieta específica para todos os pacientes de acordo com as restrições alimentares.

Na sequência os pacientes passarão por consulta com nutricionista com a verificação de histórico familiar, hábitos do paciente, nível de atividade física e aferição de dobras cutâneas. Por fim, os pacientes terão consultas com médicos endocrinologista e cardiologista para avaliação de resultados, realização de eletrocardiograma e reavaliação de medicamentos prescritos caso haja necessidade.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta