Prefeito participa de coletiva dos Comitês PCJ sobre estiagem

Prefeito participa de coletiva dos Comitês PCJ sobre estiagem

Luciano Almeida preside os Comitês e abordará cenário local; encontro será online e presencial

Amanhã, terça-feira, 21/09, às 9h, o prefeito de Piracicaba e presidente dos Comitês PCJ (CBH-PCJ e PCJ Federal), Luciano Almeida, participa de coletiva de imprensa para apresentação da situação da estiagem nas Bacias PCJ. Serão apresentados os cenários de seis cidades – Campinas, Piracicaba, Rio Claro, Americana, Jundiaí e Bragança Paulista -, além de outras 70 cidades que integram os Comitês PCJ. Participam ainda, o diretor-presidente da Agência das Bacias PCJ, Sergio Razera, e o coordenador da Câmara Técnica de Monitoramento Hidrológico, Alexandre Vilella. O evento será online e presencial.

Com uma população de mais de 5,8 milhões de habitantes, sendo que 95,1% reside em área urbana, os municípios que integram as Bacias Hidrográficas dos rios Piracicaba, Capivari e Jundiaí, representam 7% do Produto Interno Bruto do país e enfrentam, atualmente, uma severa crise hídrica.

“A crise hídrica atual é um problema que precisamos debater e buscar soluções que possamos compartilhar com todos os municípios que integram os Comitês PCJ, pois ainda há tempo para equacionarmos as questões que precisam ser resolvidas, como a oferta de água ao abastecimento humano”, ressalta Luciano Almeida.

De acordo com o Plano das Bacias PCJ 2020 a 2035 – quando considerado o balanço entre disponibilidade e demanda – as demandas superficiais nas Bacias PCJ somam algo em torno de 35,68 m³/s. Essa vazão representa 78,7% da disponibilidade hídrica. Com relação aos lagos e reservatórios existentes nas Bacias PCJ, a área alagada total é de 6,56 km² para reservatórios de abastecimento público e de 80,3 km² de área inundada pelos reservatórios que compõem o Sistema Cantareira.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta