Mercados e outras atividades devem redobrar cuidados diante da Pandemia em Saltinho

Nesta semana, o prefeito de Saltinho, Helinho Bernardino (PSDB) fez um pronunciamento sobre como ficará a cidade em relação a medidas para enfrentamos do Coronavírus.

Na cidade não haverá a princípio maiores restrições, apenas alguns cuidados a mais serão reforçados, de acordo com o prefeito.

Primeiramente o prefeito destacou que a cidade depende das vagas de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) e muitos atendimentos de saúde de Piracicaba e que a situação na cidade, que é referência de saúde para Saltinho, é muito crítica.

“Recebi diversas ligações e questionamentos sobre o que faríamos, já que Piracicaba adotou algumas medidas. Sabemos que a cidade de Piracicaba onde somos atendidos enfrenta diversas dificuldades em relação à vagas de UTI, com a falta de leitos e há pessoas que sequer estão conseguindo vagas para serem internadas e isso nos preocupa muito”, disse.

O prefeito destacou algumas medidas preventivas que serão intensificados, como tolerância zero com aglomerações e maior controle de entrada de pessoas em supermercados.

“Meu objetivo é buscar avanços e reduzir o número de casos e para isso vamos intensificar medidas preventivas, tolerância zero com aglomerações e a PM irá trabalhar neste sentido e nossa vigilância irá orientar sobre as medidas necessárias. Não podemos afrouxar as medidas atuais, assim como vamos evitar ao máximo impor novas medidas restritivas.  Mas iremos adotar algumas cautelas a mais e a partir deste sábado, dia 27, supermercados devem realizar controle de acesso e as academias ficarão fechadas de sábado até dia 04 de abril e pedimos que pessoas não façam retiradas em locais de alimentações, peçam apenas pelo Delivery”, afirmou sobre as medidas.

Finalizando sua fala, o prefeito fez um apelo, pedindo que todos possam colaborar para combater a disseminação do vírus.

“Estamos enfrentando um inimigo que se fortalece a cada dia. O vírus se espalha rapidamente, nosso pais chegou a marca de três mil mortes em apenas um dia. Temos trabalhado sem parar para enfrentar essa situação sem precedentes.  A vacinação em massa é o melhor plano e medida de saúde e estamos trabalhando para isso e neste momento cada pequena ação pode representar uma vida salva e isso é muito importante. Juntos vamos vencer”, completou.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta