Secretário Estadual de Turismo Laércio Benko concede entrevista ao jornal “O Regional”

Presidente estadual do PHS (Partido Humanista da Solidariedade), esteve em São Pedro, onde recebeu diversas autoridades da região e das cidades integrantes do Circuito “Serras do Itaqueri”.

Benko explica que a determinação do governador Geraldo Alckmin (PSDB) é se aproximar cada vez mais das cidades turísticas, visando fortalecer a atividade.

“Essa é uma determinação do governador Geraldo Alckmin para nos aproximarmos cada vez mais de nossas cidades. Essa já é a decima quinta reunião nesse sentido que estamos fazendo nas regiões. A determinação que ele nos deu foi que buscássemos fortalecer o turismo para geração empregos. No turismo não tem como aumentar faturamento sem aumentar contratação de pessoas, é uma indústria forte e não mecanizada”, destaca o secretário de Turismo.

Laercio Benko respondeu ainda um questionamento sobre as obras da Rodovia SP-304 feito pelo jornalista José Marino, que enfatizou que o governador havia assegurado recursos para a obra e a empresa alegou recentemente que a abandonou por falta de pagamento.

“No momento de dificuldade o governador não entra no cheque especial. Ele não comete irresponsabilidades. 2015 e 2016 foram anos de agravada crise econômica. Não tivemos recuperação da crise, se aprofundou ainda mais. Temos estados quebrados, como o Rio de Janeiro, que não consegue nem pagar os servidores. Isso não significa que não se conseguiu cumprir a sua promessa sobre a rodovia. Essa questão para mim é importante e estaremos também conversando com o secretário de Transportes para saber melhor sobre isso”, falou Benko.

Secretário Estadual de Turismo Laércio Benko concede entrevista ao jornal “O Regional”

Secretário Estadual de Turismo Laércio Benko concede entrevista ao jornal “O Regional” – Foto: Divulgação

Questionado sobre os municípios de interesse turístico, que é o caso de Torrinha, que trabalha nesse sentido, Laércio Benko, explicou como isso funcionará.

“Criaremos neste ano 140 municípios de interesse turístico. Todos prefeitos de cidades que não são de estancias e tem esse trabalho estarão sendo orientados nessa reunião sobre como proceder para que possam ser credenciados. Esses municípios também irão receber recursos de cerca de R$ 550 mil para ajudar na atividade, investindo na infraestrutura. Os três municípios melhores colocados irão alçar o lugar de estância no lugar de três cidades turísticas que ficarem com as menores classificações”, explicou o secretário estadual.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta