Vacinação esta abaixo da meta e atinge apenas 60,21% da população de São Pedro

Vacinação esta abaixo da meta e atinge apenas 60,21% da população de São Pedro

As 5.326 doses de vacina contra a gripe aplicadas em São Pedro até o dia 6 de maio correspondem a 60,21% da meta estabelecida para o município, que deve imunizar 8.846 pessoas até o daí 31 de maio, última dia da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe.

Podem receber a dose grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde: crianças de seis meses a menores de 6 anos, gestantes e puérperas (mulheres até 45 dias após o parto), trabalhadores da saúde, professores das escolas públicas e privadas, indivíduos a partir de 60 anos, população privada de liberdade e funcionários do sistema prisional, pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis e outras condições clínicas especiais (com apresentação da prescrição médica no ato da vacinação).

O melhor índice de cobertura é das crianças, 62% e o pior, das puérperas, com 28%.De segunda a sexta-feira, a vacinação acontece em todas as unidades básicas de saúde, com exceção da Unibasa, localizada no alto da serra, das 7h30 às 12h e das 13h às 15h30. Durante a campanha também serão atualizadas as vacinas previstas no calendário anual de vacinação.

A vacina contra a gripe é considerada pelo Ministério da Saúde uma das medidas mais eficazes para a prevenção da doença e suas complicações. As doses oferecidas são trivalentes e seguem composição determinada pela Organização Mundial da Saúde.

A campanha se concentra neste período do ano porque a queda das temperaturas no outono e no inverno tende a aumentar as aglomerações de pessoas em lugares fechados e sem ventilação. São maiores também os riscos de se pegar a doença, pois a contaminação ocorre principalmente por meio do contato com outras pessoas doentes.

A gripe diminui a imunidade da pessoa e pode levar a infecções virais ou bacterianas. Em casos extremos, pode levar à morte.

A vacina usada na campanha é produzida pelo Instituto Butantan, que neste ano disponibilizou 64 milhões de doses ao Ministério da Saúde. A vacina de 2019 irá prevenir a população alvo contra o vírus Influenza dos tipos A (H1N1), A (H3N2) e B.

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta