Prefeito Carlos Defavari flexibiliza atendimento para comércios “não essenciais” em Rio das Pedras

Prefeito Carlos Defavari flexibiliza atendimento para comércios “não essenciais” em Rio das Pedras

O prefeito Carlos Defavari convocou uma reunião do Comitê Permanente do Coronavírus (Cpec), formado por representantes do poder público e sociedade civil, para discutir a flexibilização das medidas de quarentena para os estabelecimentos comerciais não considerados essenciais pelo decreto do Governo do Estado. A proposta foi de possibilitar a abertura das lojas para o recebimento do crediário, aceita por unanimidade pelos membros do comitê.

“A flexibilização pode ser feita, não no sentido de abrir tudo, mas para o recebimento de carnês. Não adianta pedir a abertura total, pois sabemos que não será infringido o decreto do Estado. A flexibilização para permitir o recebimento visa evitar demissões”, destacou Irineu Cassela, presidente da Acirp (Associação Comercial e Industrial de Rio das Pedras).

Assim, desde sexta-feira (17), é permitido aos estabelecimentos comerciais e prestadores de serviços “não essenciais” o atendimento presencial exclusivamente para recebimento de pagamentos, de forma individualizada e sem aglomeração de pessoas. Permanecem suspensos os atendimentos presenciais para a comercialização, exposição e amostragem de produtos, que continuam podendo ser comercializados por meio de entrega em domicílio. É permitido o acesso de um cliente por vez dentro do estabelecimento.

Os responsáveis pelos comércios deverão colocar em prática todas as medidas de sanitização já dissiminadas no combate ao Covid-19, tais como disponibilizar álcool em gel 70% para uso dos colaboradores, exigir o uso de máscaras, higienização das máquinas de cartões, caixas, etc.

“É preocupante a questão de saúde geral, tanto dos comerciantes, funcionários e clientes. Então, pedimos para aqueles que forem pagar suas contas também utilizem máscaras e álcool em gel para que nossa cidade permaneça saudável e que o coronavírus não venha nos atrapalhar”, alertou o vereador Nabuco, que também é diretor da Acirp e agradeceu ao prefeito pela flexibilização do decreto.

Além da possibilidade de abertura do comércio, foi votada e aprovada a liberação do trânsito de veículos na rua Prudente de Moraes, no Centro. “Recebemos a reinvindicação do comercio para a abertura para o recebimento de pagamento de crediários, de carnês. Contamos que os comerciantes tenham a consciência de fazer o trabalho correto, utilizando álcool em gel e máscara, limitando o número de uma pessoa por vez para o recebimento. Outras medidas poderão e serão tomadas conforme a progressão da pandemia”, explicou o prefeito Carlos Defavari, destacando também que a Secretaria da Saúde está atenta aos casos suspeitos que têm surgido, trabalhando na prevenção.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta