Número de veículos da frota é duplicado pela Administração de Rio das Pedras

Número de veículos da frota é duplicado pela Administração de Rio das Pedras

Quando assumiu o governo, o prefeito Carlos Defavari encontrou o município com uma frota de 103 veículos entre Prefeitura e SAAE, quase toda sucateada, apenas 32% estavam em condições de trafegar.

Sem dispor de recursos financeiros, foi preciso criatividade e paciência para modificar a situação. Os veículos sem condições de uso foram leiloados para levantar recursos e reformar os que ainda poderiam ser reutilizados.

Além disso, após conseguir a recuperação da CND (Certidão Negativa de Débitos) e limpar o nome de Rio das Pedras, foi possível receber recursos dos governos do Estado e União para comprar novos veículos. Atualmente frota municipal mais do que dobrou em número de veículos úteis. São cinco motos, 39 automóveis, quatro caminhões, quatro máquinas pesadas, seis ambulâncias, seis ônibus e quatro vans.

“Nosso maior desafio foi deixar a frota rodando. Podemos dizer que 90% dos veículos estão trafegando normalmente, enquanto que os outros 10% está em oficina para serem feitas manutenções necessárias. Também fizemos um novo levantamento da frota, alguns foram tentados consertar, mas o custo seria muito alto e por isso serão leiloados”, explicou Rodrigo Petrini, responsável pela gestão da frota, que completou: “temos três pilares para a gestão e manutenção dos veículos: estabelecer metas, manutenção e segurança”.

Essa manutenção e controle possibilitou a substituição de veículos que estavam atendendo diversos setores, como por exemplo a Casa de Acolhimento Institucional. Havia disponível um GM Corsa com alguns amassados, precisando de pequenos reparos. O veículo foi substituído por Volkswagen Up, que foi inteiro recuperado, com a realização de manutenção, troca de pneus, revisão do motor, suspenção e freios, assim como a lavagem dos bancos, o mesmo procedimento está sendo realizando com o carro que atende ao CAPS e outros que já estão na programação”, contou Rodrigo Petrini.

Neste final de mês, atenção especial foi dada aos ônibus escolares para atender todas as exigências e normas de segurança do Detransp, com laudo de freio, tacógrafo e instalação de câmera de ré, além de revisado o funcionamento da parte elétrica, mecânica e freios. Tudo para a segurança dos estudantes e munícipes que são transportados pela Prefeitura.

A partir de fevereiro o foco estará nos demais veículos para manutenção preventiva e, assim, manter o baixo custo nas próximas revisões e até mesmo no consumo de combustível. “Gostaria de agradecer aos motoristas que, ao perceberem qualquer irregularidade, nos deixam a par da situação para realizar a manutenção o mais breve possível. Agradeço toda nossa equipe de manutenção e, em especial, ao nosso prefeito Carlos Defavari por confiar no trabalho e nos orientar para que tenhamos a máxima atenção com a frota”, finalizou.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta