XV de Piracicaba vence e vai enfrentar o Marília nas semifinais da Copa Paulista

XV de Piracicaba vence e vai enfrentar o Marília nas semifinais da Copa Paulista

Com um gol do atacante Victor Sapo, o XV de Piracicaba venceu o Comercial por 1 a 0 na tarde desta quarta-feira, 9, no Barão da Serra Negra, e, como havia empatado a primeira partida das quartas de final em 0 a 0, avançou às semifinais da Copa Paulista. O adversário será o Marília, com o jogo decisivo, mais uma vez, acontecendo em Piracicaba. A videoconferência do Conselho Técnico para as definições de datas e horários começará às 10h00 desta quinta-feira.

O jogo:

Os visitantes chegaram aos dez minutos. Otávio recebeu pela direita, invadiu a área, cortou para dentro e bateu de pé esquerdo. Vitor Prada mandou para escanteio. Quatro minutos depois, Fidel Rocha foi acionado pelo outro lado, entrou na área e finalizou, sendo atrapalhado por Gustavo Silva. Victor Sapo quase balançou a rede aos 29. Após cobrança de escanteio, Douglas Marques ganhou pelo alto e o atacante desviou de direita. A bola passou raspando a trave.

Aos 37, Danrley arriscou de fora da área e Prada espalmou. A partir dos 40, o Nhô Quim começou a criar mais. Victor Sapo tocou para Jajá na entrada da área, o camisa sete passou pelo marcador e arrematou rasteiro, de pé direito. Iago Hass defendeu. Os papéis se inverteram aos 43. Jajá deixou Sapo em boas condições. O camisa nove não acertou o chute em cheio e o goleiro pegou. O lance derradeiro da etapa inicial foi a batida de Guilherme Garré, por cima do travessão.

Veio o segundo tempo e logo no começo Jajá arrancou com a bola dominada e finalizou de canhota, para intervenção do arqueiro adversário. Aos 11, Fabinho tentou duas vezes pela direita. Na primeira, carimbou a zaga e na segunda mandou para fora. O próprio Fabinho, aos 16, recebeu de Garré e ficou de frente para Iago Hass, que praticou mais uma grande defesa, assim como aos 19, em bomba de pé esquerdo do camisa dez do Alvinegro Piracicabano.

O gol da vitória quinzista veio aos 22. Fraga deixou para Victor Sapo, que, dentro da área, dominou e chutou rasteiro, no canto. Danrley, aos 24, tentou o empate em cobrança de falta, porém a bola foi por cima do gol. Aos 27, foi a vez de Garré arriscar de longe e o goleiro, nas pontas dos dedos, mandar para escanteio. O último susto do Comercial começou com Biro Biro, que, aos 49, chegou à linha de fundo e rolou para trás, para Danrley. O arremate foi para fora.

XV de Piracicaba: Vitor Prada; Gustavo Silva, Renan Dutra, Douglas Marques e Jonathan; Mateus Silva (Fraga), Gustavo Hebling (Felipe Benedetti) e Guilherme Garré (Luan); Fabinho (Kauan), Jajá e Victor Sapo   Técnico: Moisés Egert

Comercial: Iago Hass; Danrley, Jean Pierre, Rodrigo Sabiá e Luã Niger; Romarinho (Guilherme Nascimento), Juninho e Mário César (Bruno Sabiá); Otávio (Lucas Shallon), Fidel Rocha (Biro Biro) e Warlei (Pedro Henrique) Técnico: Fahel Júnior

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta