Terminam dia 17 as inscrições para projeto Humor na Sala de Aula de Piracicaba

As inscrições para a oficina Formação de Educadores, do projeto Humor na Sala de Aula, seguem até o dia 17 de abril. Professores do Ensino Fundamental da rede pública ou privada podem participar gratuitamente.

Os interessados devem acessar o link http://goo.gl/forms/qLR8eqImXqQmIW2I2.

A iniciativa é da Secretaria Municipal da Ação Cultural e Turismo (SemacTur) e do Centro Nacional de Documentação, Pesquisa e Divulgação do Humor Gráfico (Cedhu) em parceria com a Diretoria Regional de Ensino de Piracicaba, Secretaria Municipal de Educação (SME), Sesc Piracicaba e Instituto Arcor.

humor na sala de aula piracicaba Foto: Divulgação

Neste ano, a oficina acontece nos dias 22 e 23 de abril, das 19h às 22h, no Teatro Erotides de Campos, Engenho Central. Serão realizadas aulas teóricas e práticas com o artista e caricaturista Paulo Branco e a professora e doutora em artes plásticas e educação, Betânia Libanio Dantas de Araújo.

Para a secretária da Ação Cultural e Turismo, Rosângela Camolese, esse projeto promove a aproximação de professores e estudantes do Salão Internacional de Humor de Piracicaba e principalmente do Salãozinho de Humor, que é composto por cartuns, charges, caricaturas e histórias em quadrinhos criados por crianças e adolescentes.

Os professores que participarem serão capacitados a utilizar elementos do desenho de humor e técnicas criativas para a orientação quanto à produção de obras bidimensionais e tridimensionais nas salas de aula, além de conectarem os estudantes com o Salãozinho de Humor.

Segundo o cartunista Paulo Branco, sua proposta de aula é colocar em prática a materialização através de desenhos e objetos feitos com sucata e usando o conceito de humor.

“Trabalharemos a criação de personagens e cenários e também o significado e importância das formas geométricas”, disse ele.

Para enfatizar a importância do Salão no mundo e a criação do Salãozinho, a professora de artes, Betânia de Araújo apresentará um estudo sobre pesquisadores do humor.

“Esse estudo deve despertar a reflexão desse assunto na escola. Além disso, serão realizados exercícios de criação e análise de desenhos de humor produzidos por crianças”, explica.

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta