Prorrogado o prazo para as inscrições do Programa Municipal de Pagamento por Serviços Ambientais em Piracicaba

Prorrogado o prazo para as inscrições do Programa Municipal de Pagamento por Serviços Ambientais em Piracicaba

O prazo para o protocolo de projetos na edição 2020 do Programa Municipal de Pagamento por Serviços Ambientais – Preservando o Futuro (PSA-Piracicaba) foi prorrogado até o dia 31 de julho.

A medida excepcional considerou o estado de calamidade pública no município, vigente desde o dia 23 de março em razão da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), e seus impactos nas atividades de produtores rurais e nas ações decorrentes do PSA.

O PSA-Piracicaba é coordenado pela Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento (Sema), com o apoio de equipe multidisciplinar composta por técnicos da Secretaria Municipal de Defesa do Meio Ambiente (Sedema), do Serviço Municipal de Água e Esgoto (Semae) e do Instituto de Pesquisas e Planejamento (Ipplap).

A prorrogação do prazo para a inscrição de projetos candidatos no PSA-Piracicaba foi estabelecida pelo decreto municipal Nº 18.245, assinado pelo prefeito Barjas Negri no dia 15 de abril de 2020.

O Preservando o Futuro (PSA-Piracicaba) destina recursos a produtores rurais que desenvolvem e implantam iniciativas de preservação de áreas verdes, nascentes de rios e ribeirões em suas terras.

Depois de inscritos, os projetos candidatos são submetidos a análises de documentos e vistorias técnicas.

Na última edição do programa, 13 agricultores do município – donos de propriedades rurais localizadas nas microbacias dos ribeirões Marins e Congonhal – receberam incentivos no valor total de R$ 80.744,50.

As propriedades contempladas abrangem uma área total de 408,32 hectares (ha), 66,8 ha de Áreas de Preservação Permanente (APP) e matas nativas e 268,50 ha de áreas produtivas com conservação de solo.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta