Lideranças políticas se unem pela candidatura de Luciano Almeida no segundo turno em Piracicaba

Lideranças políticas se unem pela candidatura de Luciano Almeida no segundo turno em Piracicaba

O vereador Laércio Trevisan (PL), Edvaldo Brito (Avante) e Bruno Guimarães, presidente do partido Patriotas, declararam o seu apoio incondicional à candidatura de Luciano Almeida no segundo turno das eleições em Piracicaba. O anúncio foi feito em meio a um clima de muita emoção, marcado por discursos inflamados que pregavam a união das lideranças locais em prol de uma renovação política no município.

Luciano Almeida agradeceu a presença dos representantes de vários partidos, lembrando que esse momento é histórico, porque pode marcar a derrocada de uma administração que está há 16 anos no poder, sem nenhum vínculo com as necessidades da população, que governa apenas para satisfazer seus próprios interesses.

Edvaldo Brito disse apoiar o Luciano porque não poderia se isentar nesse momento decisivo. “Estou combatendo há mais de 3 anos e meio os casos de corrupção na Prefeitura de Piracicaba. Optei por caminhar ao lado de um candidato ficha-limpa, para combater o atual prefeito ficha-suja, condenado por casos de improbidade administrativa”, frisou.

Trevisan Jr. lembrou que o partido Liberal fez uma consulta aos seus membros e resolveu apoiar Luciano Almeida porque ele é o único candidato que representa a renovação que Piracicaba tanto deseja. “O quadro atual em Piracicaba é de total abandono, seja no SEMAE, no transporte interno, saúde ou limpeza pública. Não dá mais para continuar assim”, sentenciou.

Bruno Guimaraes disse que a cidade precisa de oxigenação política, ressaltando que a alternância no poder é salutar para a democracia. O partido do atual governo está há 16 anos no poder, mais 4 e iria virar uma ditadura”, revelou.

Gabriel Ferrato, vice de Luciano Almeida na chapa dos Democratas, disse por sua vez que a estrutura do governo do PSDB está arcaica, sem pique e que esse é o momento ideal para apresentar novas ideias com pessoas novas.

Luciano Almeida agradeceu a presença dos representantes de vários partidos, lembrando que esse momento é histórico, porque pode marcar a derrocada de uma administração que está há 16 anos no poder, sem nenhum vínculo com as necessidades da população, que governa apenas para satisfazer seus próprios interesses.

Edvaldo Brito disse apoiar o Luciano porque não poderia se isentar nesse momento decisivo. “Estou combatendo há mais de 3 anos e meio os casos de corrupção na Prefeitura de Piracicaba. Optei por caminhar ao lado de um candidato ficha-limpa, para combater o atual prefeito ficha-suja, condenado por casos de improbidade administrativa”, frisou.

Trevisan Jr. lembrou que o partido Liberal fez uma consulta aos seus membros e resolveu apoiar Luciano Almeida porque ele é o único candidato que representa a renovação que Piracicaba tanto deseja. “O quadro atual em Piracicaba é de total abandono, seja no SEMAE, no transporte interno, saúde ou limpeza pública. Não dá mais para continuar assim”, sentenciou.

Bruno Guimaraes disse que a cidade precisa de oxigenação política, ressaltando que a alternância no poder é salutar para a democracia. O partido do atual governo está há 16 anos no poder, mais 4 e iria virar uma ditadura”, revelou.

Gabriel Ferrato, vice de Luciano Almeida na chapa dos Democratas, disse por sua vez que a estrutura do governo do PSDB está arcaica, sem pique e que esse é o momento ideal para apresentar novas ideias com pessoas novas.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta