Câmara aprova crédito e Semae deve realizar convênio com a USP

Objetivo é elaborar Plano Diretor de Monitoramento e Automação dos Sistemas Operacionais de Água e Planejamento Tático dos Setores Administrativos/Financeiros

Na sessão ordinária da Câmara de Vereadores do dia 21/07 foi aprovado, em primeira discussão, o Projeto de Lei 139/2021, que prevê crédito adicional especial de R$ 800 mil para o orçamento de 2021 da autarquia, para realização de convênio entre o Semae (Serviço Municipal de Água e Esgoto), a Escola Politécnica da USP (Universidade de São Paulo) e a Fusp (Fundação de Apoio à Universidade de São Paulo).

O convênio tem como objetivo elaborar o Plano Diretor de Monitoramento e Automação dos Sistemas Operacionais de Água e Planejamento Tático dos Setores Administrativos/Financeiros, com vistas à resolução de problemas e divergências de processos produtivos, além da elaboração do modelo de automação; análise e controle de perdas; capacitação técnica, administrativas e financeira.

O Plano Diretor será realizado em seis etapas, sendo elas: 1- Diagnóstico, 2- Análise e Controle de Perdas, 3- Controladores Programáveis, Sistemas Supervisórios e Topologias das Redes de Automação, 4- Avaliação e Definição dos Indicadores de Desempenho Operacionais, 5- Elaboração dos Termos de Referência as Principais Estruturas Operacionais e 6- Estudos dos Sistemas Administrativos/ Financeiros.

O investimento total será de R$ 1,988 mi e o convênio terá vigência mínima de 15 meses, a contar da data de assinatura do contrato. Para celebrar o contrato, ainda será necessária a criação de lei.

“É uma grande oportunidade de modernizar a autarquia que há anos está estagnada. A tecnologia só nos proporcionará benefícios, principalmente no sistema de controle de combate às perdas. Viabilizando a definição dos planos de ações, hierarquização, bem como, padronização dos processos.  Além de identificar demais necessidades, como a readequação do organograma, fomentando o crescimento norteado da autarquia”, explicou Mauricio André Marques de Oliveira, presidente da autarquia.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta