Bebel denuncia e cobra da Artesp reparos na nova estrada de acesso à Santana e Santa Olímpia em Piracicaba

Bebel denuncia e cobra da Artesp reparos na nova estrada de acesso à Santana e Santa Olímpia em Piracicaba

Vicinal, recém pavimentada, já apresenta mais de 20 pontos com buracos

Em ofício encaminhado à Artesp – Agência de Transportes do Estado de São Paulo, a deputada estadual Professora Bebel (PT) está denunciando a precariedade da recém pavimentada estrada vicinal que liga a rodovia Hermínio Petrin,  SP-308 Piracicaba-Charqueada, aos bairros de Santana e Santa Olímpia, que já está tomada por buracos, com menos de cinco meses após o término das obras. No ofício, a deputada conta  que foi procurada por uma comissão de moradores das comunidades de Santana e Santa Olímpia que denunciam a situação da vicinal, pavimentada em outubro do ano passado e que já apresenta mais de 20 trechos com buracos, que inclusive colocam em risco a vida de quem transita por ela, sendo os moradores os principais usuários.

No documento, Bebel relata que a pavimentação da antiga estrada, que tem acesso pelo km 178 da SP-308, foi feito com restos de asfalto retirados da rodovia Piracicaba–Charqueada, sem preparação do solo e sem drenagem de águas pluviais. “Esse asfaltamento foi realizado em outubro de 2020 e como era de se esperar, não durou nem dois meses. Vários buracos surgiram e o asfalto passou a se dissolver, gerando verdadeiras crateras e colocando em rico quem utiliza esse trecho de pista, principalmente os moradores das comunidades”, enfatiza.

A deputada Bebel conta ainda que no último mês de fevereiro, a empresa Eixo, que venceu o leilão realizado pelo governo estadual para explorar rodovias na região, entre elas a SP-308, fez trechos de drenagem de águas pluviais na vicinal, mas não recuperou o asfalto. Diante disso, Bebel, conforme solicitação dos próprios moradores das comunidades de Santana e Santa Olímpia, está cobrando  que a Artesp solicite que a empresa Eixo resolva este problema urgentemente, uma vez que a concessionária se comprometeu a manter a pavimentar e realizar a manutenção da vicinal por um prazo de seis meses e que depois passaria aos cuidados da Prefeitura de Piracicaba.

A pavimentação da antiga estrada foi executada pela Eixo em função da concessionária fechar a vicinal que liga a SP-308, do km 182, até os bairros, inclusive com a colocação de uma praça de futuro pedágio no local. É lembrado que no projeto apresentado aos moradores, há uma proposta de construção de uma rotatória que ligará até o antigo acesso, mas de acordo com Valdemar Correr, líder da comunidade de Santa Olímpia, esta obra só deverá ser executada dentro de oito anos.

“Tínhamos uma vicinal pavimentada, iluminada, com total segurança, mas acabaram tomando uma decisão, sem ouvir as comunidades, de pavimentar a antiga estrada, que não tem acostamento e nem iluminação e que já apresenta inúmeros buracos, o que está revoltando os moradores”, diz Correr, que espera uma ação rápida da Artesp para que a empresa Eixo cumpra com o que se comprometeu.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta