Após decisão da Justiça Vereador Dirceu Alves é afastado do mandato em Piracicaba

Após um pedido do Ministério Público do Estado de São Paulo, a Vara da Fazenda Pública de Piracicaba determinou como medida cautelar o afastamento do vereador piracicabano Dirceu Alves (SD) por 180 dias.

O parlamentar é acusado de improbidade administrativa, investigado por cobrar parte dos salários de dois ex-funcionários da Câmara Municipal, sendo que um deles teria sido extorquido.

Além disso, a mesma medida determinou em tutela provisória o bloqueio dos bens do vereador, no valor de R$ 218.750,00, pelo mesmo período.

No final da manhã desta segunda-feira, dia 25, em nota oficial publicada em seu site oficial, a Câmara Municipal informou que o presidente da Mesa Diretora, vereador Gilmar Rotta (MDB), recebeu a notificação oficial da Vara da Fazenda e cumpriu imediatamente a determinação, da qual cabe recurso.

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta