Matheus Erler considera que não foi em vão discussão sobre Plano de Carreira de professores de Piracicaba

Nesta segunda-feira, dia 14, o presidente da Câmara de Vereadores de Piracicaba, vereador Matheus Erler (PTB), ressaltou o trabalho do Legislativo Municipal para levantar a discussão sobre a educação no município a partir da tramitação do projeto de lei complementar 17/2017, que trata do Plano de Carreira dos Professores.

Ele afirmou que a reunião realizada anteriormente não foi em vão.

“Gostaria de dizer que nós fizemos a reunião pública e não foi em vão”, destacou.

Ao ocupar a tribuna da Câmara de Vereadores o presidente da Mesa Diretora fez um breve relato sobre o longo período de debates acerca do tema.

“A partir da entrada do projeto de lei complementar, iniciaram várias discussões, incluindo encontro com sindicatos, recebemos a Bebel (Azevedo Noronha, presidente da Apeoesp), a secretária (de Educação, Ângela Correa), Fausto Rocha (representante da Associação dos Funcionários Públicos), o movimento Luto Pela Educação, ninguém aqui veio para brincar, mas vieram para trabalhar e trabalharam bastante”, ressaltou o presidente do Legislativo.

Erler também elogiou o papel de cada um dos vereadores que atuou para viabilizar os encontros e as reuniões públicas desenvolvidas ao longo deste período.

“Há um empenho de toda esta Casa de Leis em prol da Educação”, completa.

O presidente do Legislativo ressaltou que o debate já produziu resultados, como a ação do Ministério Público (MP) pedindo para que crianças permaneçam em vagas integrais, pedido que foi acatado pela Justiça e que obriga a Prefeitura a manter 1.300 crianças em matriculas integrais.

“Nós iniciamos essa discussão e não foi em vão”, ressaltou.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta