Governador entrega Titulo de Município de Interesse Turístico a Ipeúna

Nesta quarta-feira, dia (20/03), um dia antes de completar 54 anos de Emancipação Política, o prefeito José Antonio de Campos recebeu das mãos do Governador do Estado de São Paulo, João Doria (PSDB) o certificado de Município de Interesse Turístico para Ipeúna.

A cidade passou a ser classificada nesta categoria como determina a Lei n° 16.938, de 2019.

Participaram do evento o prefeito José Antonio de Campos, o Zé Banana (PSD), a vice-prefeita Doroti Zem, o coordenador de Turismo, Paulo Koko e demais autoridades, além dos Secretários de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, e de Turismo, Vinicius Lummertz.

No dia 06 do mês passado, foi aprovado pela Assembleia Legislativa do Estado de São Paulo, Projeto de Lei que classificou Ipeúna como MIT (Município de Interesse Turístico).

Além de Ipeúna, foram classificados os municípios de: Adamantina, Araçatuba, Adolfo, Anhembi, Araçoiaba da Serra, Barra do Turvo, Bebedouro, Bocaina, Botucatu, Divinolândia, Dois Córregos, Garça, Guaíra, Ibirarema, Icém, Igarapava, Indiaporã, Itapeva, Itaporanga, Itariri, Itirapina, Jaboticabal, Jarinu, Juquiá, Juquitiba, Lavrinhas, Marília, Mogi Mirim, Palmeira D”Oeste, Pauliceia, Pirapora do Bom Jesus, Pongaí, Porto Ferreira, Santa Albertina, Santa Clara d”Oeste, São Bernardo do Campo, São João da Boa Vista, São Manuel, Timburi, Três Fronteiras, Valentim Gentil e Votorantim.

O prefeito José Antonio de Campos, o Zé Banana (PSD) comemorou a entrega do Certificado do MIT.

“A entrega é simbólica para nossa cidade e ocorreu nesta semana em que completamos 54 anos de emancipação política e administrativa. Muito além dos recursos anuais que deveremos receber como MIT, que são importantes para o investimento na própria atividade, não podemos esquecer-nos do reconhecimento do nosso potencial turístico, potencial esse que eu sempre acreditei e trabalhamos para chegar até aqui, com o COMTUR (Conselho Municipal de Turismo), Plano Municipal de Turismo, entre outras ações, inclusive temos uma Coordenadoria de Turismo, ou, seja trabalhamos focados nisso”, disse ele.

“Não é qualquer cidade que consegue ser reconhecida como MIT, pois existem diversos critérios que devem ser observados e graças a Deus e ao apoio de pessoas que encontramos no caminho conseguimos essa conquista importante para nossa cidade aos seus 54 anos de existência. É sem dúvidas um grande presente e um grande marco em nossa história”, ressaltou o prefeito.

A ex-deputada estadual Clélia Gomes (Avante) foi a autora do Projeto de Lei nº 464/2017.

A cidade faz parte do Roteiro Turístico Serra do Itaqueri e possui duas principais particularidades que a destacam como forte potencial de desenvolvimento eco turístico e de turismo de negócios: os sítios arqueológicos e a agricultura orgânica. Em Ipeúna existem 10 sítios arqueológicos reconhecidos, que anualmente atraem milhares de visitantes com as mais diferentes motivações (pesquisa, estudo, observação, visitação) e outros 05 ainda em verificação, tornando Ipeúna o município com maior quantidade de sítios arqueológicos no Brasil.

A área rural tem outra característica importantíssima: Ipeúna é reconhecida mundialmente como a capital mundial da agricultura orgânica o que também atraí milhares de pessoas que procuram conhecer seus alimentos produzidos sem uso de agrotóxicos, além de promover o turismo de negócios na área da alimentação natural, que provê sua exportação para diversas regiões do país e do planeta.

Ipeúna destaca-se também pelo avanço na área de tecnologia aeronáutica. Possui importante fábrica de helicópteros e equipamentos aeronáuticos que contribui para o incremento do turismo educacional e de negócios.

Devido suas características geográficas, de relevo de montanha, Ipeúna sedia anualmente vários eventos de esportes radicais, jipes e motos.

A cidade está próxima a três estâncias paulistas: uma climática (Analândia), uma turística (São Pedro) e uma hidromineral (Águas de São Pedro) distantes menos de 40 km. Seus parques hoteleiros e de alimentação reforçam a capacidade receptiva de Ipeúna. E muito próxima às importantes regiões econômicas de Rio Claro (15 km) e Piracicaba (40 km).

Estas características conferem a Ipeúna potencialidades turísticas relevantes que organizadas podem gerar emprego, renda e melhoria da qualidade de vida para a população do município e contribuir para o desenvolvimento do turismo regional.

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta