Café Musical Especial terá abertura de exposição Amigos da Arte

No próximo sábado, acontecerá no Museu Gustavo Teixeira a exposição Amigos da Arte, com a participação de quatro expositores de São Pedro – João Ribeiro, Áurea Hensel Zaghi, Maria de Fátima Quiozine e Ana Carolina Santi, integrando a programação do Café Musical Especial, que terá ainda a apresentação do grupo vocal Dedo de Moça, acompanhado ao piano por Junior Fondello e Sandra Golinelli.

O Grupo Vocal Dedo de Moça, quarteto formado por Márcia Graner, Elaine Rodrigues, Valéria Chiarinelli e Gislaine Rodrigues, vai apresentar repertório variado, com músicas brasileiras e estrangeiras.

As obras, aproximadamente 60 no total, são feitas em nanquim e bico de pena no caso de João Ribeiro, óleo e acrílico sobre tela nas produções de Áurea, óleo sobre tela de Maria de Fátima e fotografias de Ana Carolina Santi.

“No início do ano, anunciamos que as pessoas interessadas em expor no Museu deveriam nos procurar e esta mostra é resultado desta ação, com a reunião de obras de quatro talentos de São Pedro”, conta a coordenadora de Cultura, Sandra Golinelli. Maria de Fátima conta que sempre se interessou pelas artes e artesanato.

“Foi um desejo interior poder expressar através das telas e como hobby fui perdendo o medo dos pincéis e as tintas foram ganhando forma”, destaca a artista que mora há 7 anos em São Pedro e desde então se dedica à pintura e tela em tecido, além de artesanato em geral.

“Sinto que tenho muito a aprender, pois a cada dia descubro algo novo, uma infinidade de ideais surgem e tenho a necessidade de compartilhar”, ressalta.

João Ribeiro Junior é advogado e professor universitário e fez curso livre de desenho e pintura na Associação Paulista de Belas Artes.

Também é sócio-fundador da Associação dos Artistas Plásticos de Jundiaí e participou de vários salões, sendo premiado em vários deles.

Ana Carolina Santi, também graduada em Direito, desde pequena é apaixonada por fotos e por fotografar.

Depois de graduar-se em fotografia pela Universidade Metodista de Piracicaba (Unimep), vem aprimorando seu talento e trabalho com muito estudo, workshops, cursos, palestras e principalmente com muita dedicação, passando horas em seu estúdio testando luzes, novas técnicas e criando diversos cenários.
Retratista nata, sua paixão é registrar sorrisos, expressões e olhares da diversidade cultural e social e o resultado de todo este empenho poderá ser visto na exposição que será aberta ao público também no próximo sábado, dia 12.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta