Prefeito de Brotas não aceita critica, parte para desespero em redes sociais e ataca jornais

Somente nesta semana, dois assuntos levaram o “Governo Seriedade e Trabalho” slogan do prefeito de Brotas, Leandro Corrêa (PSB), a questionar matérias veiculadas em jornais e criticas de moradores a sua gestão.

Nesta terça-feira, dia (28/01), a prefeitura publicou uma extensa nota, onde critica uma matéria deste jornal que fala sobre o cancelamento de recursos do DADETUR e também sobre uma fala do vereador Rodrigo Saldanha (PTB) sobre a perda de recursos por causa do Departamento Municipal de Planejamento.

“Diferentemente do que foi informado, de forma sensacionalista, no Jornal de Santa Maria da Serra, edição nº 322 e no Jornal Regional Edição 660, que têm circulação em Brotas, a Prefeitura de Brotas, através desta nota oficial informa que nossa cidade não perdeu verba do governo paulista destinada às cidades estâncias, através do DADETUR para investimentos no Parque dos Saltos. Na matéria dos dois jornais, o Vereador Rodrigo Saldanha supostamente critica a Prefeitura por ter “perdido” esta verba, de valor aproximado R$ 961 mil, por falhas nos projetos de execução elaborados pelo Departamento de Engenharia e Projetos da Prefeitura”, disse ele.

“Informação falsa e tendenciosa, que tem o objetivo de atacar a atual administração, colocando o Vereador Rodrigo, que pertence ao grupo da situação, em ação de ataque ao Governo Municipal, fato este que espantou até o próprio vereador. Como é de conhecimento de todos, inclusive do próprio editor dos dois Jornais, o Governador João Dória suspendeu mais de R$ 50 milhões em convênios firmados na gestão anterior, o que afetou 33 Estâncias Turísticas do Estado, além de Municípios de Interesse Turístico (MIT)”, disse a nota da prefeitura.

Sobre a questão dos convênios a desesperadora nota da prefeitura diz que os jornais trariam duas versões diferentes sobre o assunto, mas esqueceu de citar que há uma diferença, no caso de Torrinha, foi divulgado pelo prefeito daquela cidade que medidas estão sendo tomadas para tentar reverter o cancelamento.

“Os próprios Jornais, na mesma edição, noticiaram este fato, só que com outra conotação, se referindo à Prefeitura de Torrinha. Pasmem!!! Situações idênticas, só que em Brotas, ao invés de contar a verdade, o editor do Jornal preferiu colocar o Vereador Rodrigo contra a administração do Prefeito Leandro”, destaca.

Segundo a prefeitura o secretário de Turismo, Fábio Pontes já esclareceu a situação aos vereadores, COMTUR e ABROTUR.

“Sobre a suspensão do convênio, o Secretário de Turismo Fabio Pontes já relatou esta situação a todos os vereadores de Brotas, COMTUR e para a ABROTUR. Mantém contatos com a Secretaria de Turismo, APRECESP (Associação que cuida dos interesses das cidades estâncias do Estado), DADETUR (órgão que libera os recursos dos convênios) com o objetivo de retomar este convênio”.

Na nota o secretário critica o governo paulista pelo cancelamento dos recursos, classificando como “irresponsabilidade”.

“Foi uma irresponsabilidade do Governo Estadual com o turismo paulista ao não respeitar convênios já afirmados dentro de um orçamento preestabelecido”, disse Fabio Pontes, que completa que o convênio do Parque dos Santos já foi assinado, ou seja, toda documentação, incluindo projetos de engenharia, já foi aprovada para a revitalização deste cartão postal de Brotas.

Além disso, a prefeitura destaca que Brotas teve outro projeto aprovado e efetivado no ano passado, que é da ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto e que esta verba de 2 milhões, não foi cortada e o trâmite está em fase de licitação.

“Mas isso o jornal não informou”, diz a nota.

Esclarecimento do Jornal O Regional: Exercemos e exerceremos com liberdade o exercício da função jornalística, independente do gostar ou querer de qualquer gestão.

A matéria do jornal apenas relatou os fatos, que são a perda de recursos do DADETUR e outros convênios relatados pelo vereador na sessão ordinária da Câmara Municipal de Brotas do dia 21 de janeiro e também a perda de outros recursos, segundo o parlamentar devido a questão de projetos.

Na verdade o texto do prefeito demonstra seu inconformismo com as informações ali contidas, que não são criadas de forma fantasiosa pelo jornal e representam a verdade, que com palavras bonitas não se pode combater.

Por outro lado aproveitamos a oportunidade para informar que os recursos para a obra do Parque dos Saltos, esteve disponível no final de 2017 e inicio de 2018, e todos os convênios assinados até abril de 2018, foram liberados, pelo então governador Marcio França. No entanto as prefeituras que demoraram em entregar seus projetos tiveram os recursos cancelados. Vale ressaltar ainda que a entrega do projeto e assinatura do convenio não garante a liberação dos recursos.

Embora a nota da prefeitura diga que se trata de informação falsa a perda de recursos do DADETUR, a própria prefeitura reitera que o governo do Estado cancelou os convênios em questão e não nega as informações sobre as criticas que o vereador fez durante uso da Tribuna da Casa Legislativa, as quais inclusive estão gravadas e disponíveis no site da própria Câmara Municipal.

Na mesma edição também informamos que o Município de Águas de São Pedro teve cancelado o repasse de aproximadamente 1.6 milhões. Detalhe o prefeito de Águas agradeceu e disse que talvez possa a ajudar a reverter o cancelamento.

 

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta