Paulo Barboza assina convênio Atleta do Futuro

No sábado passado, dia 28, o Programa Atleta do Futuro (PAF) levou os alunos da Emef “Maria Luiza Fornasier Franzin” – Unidade II, de Águas de São Pedro, ao Ibirapuera para assistirem a Superliga de Voleibol Masculino. Promovido pelo SESI-SP em parceria com os municípios, a iniciativa contou ainda com um evento de assinatura de convênios um dia antes.

A cerimônia aconteceu em Rio Claro na sexta-feira da semana passada, dia 27, com as presenças do presidente do SESI, Paulo Skaf; do prefeito Paulinho Barboza (PSDB); do secretário municipal de Educação e Cultura, João Paulo Pontes Ferreira; e do vereador Anderson Cardoso (PR).

Paulinho Barboza assina convênio Atleta do Futuro

Paulinho Barboza assina convênio Atleta do Futuro. Foto: divulgação

A empresa Pakaluka, que é parceira municipal, também foi representada na programação por Carlos Guilherme Bortoleto Palu.

Águas de São Pedro participa do Programa Atleta do Futuro desde o ano passado.

“Renovamos na semana passada essa parceria com o Sesi, pois este é um programa muito especial de desenvolvimento do esporte na cidade”, afirmou o prefeito Paulinho Barboza.

O prefeito também aproveitou para agradecer os envolvidos.

“Ficamos muito contentes em poder contar com o apoio de uma empresa tão tradicional em nossa estância quanto a Pakaluka. O Sesi realiza um belíssimo trabalho e nossos professores, coordenadores, assim como o secretário de Educação e Cultura, estão todos muito empenhados em aplicar esta metodologia de sucesso”, destacou o prefeito.

De acordo com o professor e secretário João Paulo Pontes Ferreira, o PAF é uma metodologia de ensino do esporte desenvolvida pelo Sesi.

“Eles fizeram o treinamento dos professores de educação física em 2017, e agora fazem o acompanhamento. São várias as modalidades envolvidas, como vôlei e atletismo, a proposta visa promover a cultura esportiva e cidadania entre alunos de 6 a 12 anos”, destacou João Paulo Pontes Ferreira.

O Atleta do Futuro atua em três frentes: Aulas (atividades permanentes com conteúdos esportivos adequados às diferentes faixas etárias); Marcadores Sociais (questões que permeiam a prática esportiva, como gênero, etnia, habilidade motora, aspectos culturais, ambientais, etc. e que surgem a todo momento nas aulas e são tratadas pelos professores); e Participação da Família (as famílias são envolvidas no projeto por meio de reuniões, eventos e na avaliação do aluno).

Na sábado os alunos assistiram ao jogo da Superliga de Vôlei Masculino, no Ibirapuera.

A partida foi entre o Sesi-SP e o Sada Cruzeiro – com vitória do time de Minas Gerais.

Acompanharam os alunos as professoras Janaina Acácia Martins, Maitê Bina e Taciana Michele do Nascimento.

Últimas Notícias

Notícias Relacionadas

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta