Macaron: doce, delicioso e sofisticado

Professora do Centro Universitário Senac – Águas de São Pedro conta porque ele está cada vez mais presente em casamentos e dá dica de receita para fazer em casa

Entre tantas opções e combinações deliciosas, escolher os doces perfeitos para o casamento não é das tarefas mais fáceis. No entanto, um em especial está cada vez mais presente nas celebrações: o macaron. Com sua origem na Itália, o quitute é saboroso e também um grande atrativo para decorações, como explica Daniela Cordeiro Bighetti, professora da área de gastronomia do Centro Universitário Senac – Águas de São Pedro.

“O macaron vem da palavra maccherone, que significa massa fina. Em meados do século XVI, através da corte da rainha Catarina de Médice, a receita foi levada para França e mantida em segredo. Mas, aos poucos, foi sendo difundida até receber, no início do século XIX, uma nova versão com cremes especiais como recheio”, conta Daniela. Ela destaca que a sobremesa era uma das preferidas da monarca e, por isso, é conhecido como “doce da rainha Catarina de Médice”.

De lá para cá, os macarons ganharam o público, além de novas cores e sabores, com sua presença nas mesas de doces sendo sinônimo de sofisticação. “Por isso, eles são tendência em festas de casamento. Sem falar nas inúmeras possibilidades de decoração para servir essa delícia: em forma de torre, como enfeite de bolo e de cupcakes ou servidos em forminhas de doces, como lembrancinha ou para acompanhar o café”, explica a professora.

Para saboreá-los, confira abaixo uma receita de macaron, com rendimento de 20 unidades.

Ingredientes

125 g de açúcar de confeiteiro.

125 g de farinha de amêndoas (você encontra em lojas especializadas em artigos de confeitaria).

100 g de clara de ovo – São necessários de 6 a 8 ovos. O importante é quebrar os ovos, separar clara e gema (se cair uma gota de gema na clara o merengue não vai crescer) e depois ir pesando somente as claras. Pese separadamente 50g e 50g.

125 g de açúcar refinado.

Corante.

Preparo:

1- Em um processador ou liquidificador bata bem o açúcar de confeiteiro com a farinha de amêndoas. Depois de bater, passe por uma peneira para ficar tudo bem fininho e liso. Reserve.

2- Comece o merengue suíço: Prepare um banho-maria, colocando água em uma panela maior e em uma menor coloque 50g das claras com os 125g de açúcar cristal. Não deixe a panela (ou bowl, se possível já o bowl de metal da batedeira, se você tiver) tocar na água, é necessário só o vapor para aquecer. Com um batedor (fouet), bata essa mistura em banho-maria até que o açúcar se dissolva nas claras, aquecendo, mas sem nunca cozinhar as claras. Assim que estiver uma mistura bem lisa, sem sinal de grãos de açúcar, leve à batedeira. Bata o merengue até a temperatura ambiente para que ele fique bem estável e brilhante.

3 – Na mistura de açúcar e farinha de amêndoas reservada adicione os outros 50g de clara de ovo e o corante (de preferência em gel) até dar a cor que quiser (depende do sabor do macaron, cuidado para não colocar muito e o macaron amargar). Adicione aos poucos o merengue a essa mistura até ficar homogêneo. Depois coloque essa massa em um saco de confeiteiro. Unte uma forma com farinha e manteiga e a forre com papel manteiga. Esprema o saco formando bolinhas e deixe-as descansar por 20 minutos, até que fiquem achatadas. O ideal é que elas tenham aproximadamente 2cm de largura cada. Não se esqueça de deixar um espacinho entre cada macaron.

4 – Leve ao forno pré-aquecido a 140°C por aproximadamente 15 minutos. Uma dica: deixe o forno entre aberto com uma colher de pau se puder, compre um termômetro de forno para que a temperatura seja exatamente essa.

5 – Para rechear os macarons use um saco de confeitar sem bico ou com um bico redondo. O recheio pode ser de doce de leite, brigadeiro, geleia de morango, ganache de chocolate, beijinho, etc.

Formação na área

Para os interessados em se aperfeiçoar no preparo do doce e até fazer disso um negócio, o Centro Universitário Senac – Águas de São Pedro está com inscrições abertas para o curso Macarons, com duração de 15 horas. Durante as aulas, os alunos vão aprender a preparar a base dessa sobremesa e seus principais recheios: brigadeiro, creme de manteiga, geleia e ganache, além de princípios da higiene na manipulação de alimentos e o melhor aproveitamento dos ingredientes.

Mais informações sobre esse e outros cursos na área de gastronomia, como Cozinha Árabe e Cardápio Francês, também ofertados no campus, estão disponíveis pelo telefone 19 3482-7000 ou pelo Portal Senac: www.sp.senac.br/universitarioaguas.

Aproveite e conheça o Centro Universitário Senac – Águas de São Pedro  por meio da visita virtual: www.sp.senac.br/capvirtual

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta