Fabinho e Guilherme Garré foram apresentados em entrevista coletiva online como novas opções para o setor ofensivo do XV de Piracicaba

Fabinho e Guilherme Garré foram apresentados em entrevista coletiva online como novas opções para o setor ofensivo do XV de Piracicaba

O XV de Piracicaba segue apresentando seus reforços para a disputa da próxima edição da Copa Paulista. Na tarde da última segunda-feira, 26, foram as vezes do meia-atacante Guilherme Garré, 27 anos, ex-Imperatriz/MA, e do atacante Fabinho, 29 anos, emprestado pelo Brusque/SC até o término da competição estadual, bateram um papo de forma virtual com os profissionais de imprensa. Eles estão entre as nove contratações realizadas pelo Nhô Quim até o momento.

O primeiro a se posicionar à frente do computador, na Sala Bauma de Imprensa do Estádio Municipal Barão da Serra Negra, foi Garré, que destacou a boa recepção que teve do plantel quinzista. “Minha chegada foi maravilhosa. Todos que aqui estavam me receberam muito bem, desde os atletas até comissão técnica e diretoria”, disse o confiante jogador. “Acredito que temos tudo para fazermos um grande campeonato e, se Deus quiser, sermos campeões”, falou.

O setor ofensivo foi o qual mais ganhou peças até aqui. Além de Garré e Fabinho, Jajá, ex-Criciúma, e Tito, ex-Marília, também atuam no ataque. “Quem estiver melhor vai jogar e corresponder”, comentou Garré, que prevê uma equipe em boas condições já na largada da Copa Paulista “Nós estamos trabalhando forte e muito bem. O professor está passando trabalhos ótimos e acredito que, evoluindo no dia a dia, estaremos preparados”, prosseguiu.

Fabinho, que respondeu às perguntas em seguida, tem a curiosidade de uma formação profissional toda feita em um país europeu. “Eu fui muito novo para a Itália, minha base foi lá. Cheguei com 15 anos e o primeiro contrato que assinei foi com a Udinese. Foi uma experiência fantástica, aprendi muito. Só tenho que agradecer a Deus, por ter me dado essa oportunidade, que tantos atletas gostariam de ter”, comentou o atacante, que contou mais sobre este fato.

“Meu primeiro técnico na base falou que inicialmente eu tinha que marcar, para depois atacar. Assim, eu tive que me adaptar muito rápido. Lá é muito tático. O futebol italiano é isso, independente da Série em que você atuar”, lembrou Fabinho, que reencontrou o volante Gabriel Soares, seu companheiro de Juventus da Mooca. “Quando surgiu a proposta, entrei em contato e ele me disse que eu poderia vir de ‘olhos fechados’, pois aqui é ótimo”, confidenciou o jogador.

Ficha técnica

Nome completo – Fábio Ayres

Apelido – Fabinho

Posição – Atacante

Data de Nascimento – 28/04/1991 – 29 anos
Naturalidade –
Guarulhos/SP

Altura – 1,78m

Equipes:

2010/11 – Salernitana (Itália)

2011/12 – Modena (Itália)

2012/16 – Perugia (Itália)

2016/17 – Vicenza Calcio (Itália)

2017/18 – Paganese (Itália)

2019 – Juventus/SP

2020 – Nova Iguaçu/RJ

2020 – Brusque/SC

Ficha técnica

Nome completo – Guilherme de Oliveira Garré

Apelido – Guilherme Garré

Posição – Atacante

Data de Nascimento – 20/03/1993 – 27 anos
Naturalidade –
São Paulo/SP

Altura – 1,63m

Equipes:

2013/16, 2017, 2018, 2019 e 2020 – Santo André/SP

2016 – São Bento/SP

2018 – Botafogo/SP

2019 – Remo/PA

2020 – Imperatriz/MA

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Cancelar resposta